logo-mini

Qual a sua próxima estratégia de vídeo?

Compartilhe

Não dá pra negar que atualmente os vídeos são uma das principais tendências de conteúdo e estão ganhando cada vez mais força.
Se você ainda não investe neles, é hora de começar a pensar nisso! Descubra estratégias de vídeo e veja a sua estratégia alavancar consideravelmente.

Inspirar, educar e entreter são algumas das principais funcionalidades dos vídeos online. Não é à toa que eles são considerados o futuro do marketing na internet.

A prova disso são os números impressionantes a seguir:
- Em 2019, os vídeos representarão 80% do tráfego em toda a internet;
- Todos os dias 55% das pessoas do mundo assistem a um vídeo;
- 90% dos usuários acham que vídeos de produtos auxiliam durante a decisão de compra;
- Vídeos compartilhados em redes sociais geram 1200% mais compartilhamentos que imagens e textos juntos;
- Incluir um vídeo em uma landing page pode aumentar as taxas de conversão em até 80%;
- Vídeos em emails aumentam entre 200 e 300% a taxa de cliques;
- As pessoas retém 95% da mensagem em vídeo comparada a apenas 10% ao lerem textos;
- Um website com vídeo aumenta em 53% as chances de aparecer na primeira página do Google.



Viu só? É inegável que esse é um formato de conteúdo que pode dominar a esfera da web em pouco tempo. Por isso, é imprescindível pensar no futuro e preparar as ações no ambiente digital em 2019.   
Se você quer saber quais são as principais estratégias de vídeo para 2018, nós podemos te ajudar. Acompanhe as dicas a seguir!
Transcreva e traduza conteúdo: São várias as razões pelas quais você deveria transcrever o seu conteúdo! Uma delas é que você pode identificar quais são os seus conteúdos que geram mais tráfego (ou seja, mais úteis para a sua persona) e apresentar um novo formato para consumo.

Explore as possibilidades da realidade virtual:
A realidade virtual é um formato de conteúdo imersivo, no qual o usuário pode se sentir parte do cenário. Para gravar esse tipo de vídeo, você precisa usar recursos de gravação em 360 graus. Embora exija a obtenção de um headset específico para ser assistido, os avanços em tecnologia indicam que, em um futuro nada distante, eles farão parte do cotidiano do consumidor.
Um dos modelos mais baratos, o Google Cardboard, pode ser encontrado em e-commerces brasileiros a partir de R$ 12,00. E agora, ainda te parece um sonho impossível?
Transmita vídeos ao vivo: Com o contínuo avanço da banda larga em desktops e dispositivos móveis, a velocidade de conexão é cada dia mais alta. Graças a isso, os vídeos ao vivo se tornaram uma tendência em 2018 e devem vir com mais força ainda em 2019.
Vídeos ao vivo permitem a interação do usuário instantaneamente, um prato cheio para as redes sociais. O Instagram também já aderiu ao recurso, além  plataformas importantes como YouTube, Twitch, Livestream e Periscope.

Incentive o conteúdo gerado pelo usuário:
A indústria do entretenimento sabe bem o que é isso!  Empresas gigantes como Netflix e Disney aproveitam o conteúdo gerado pelo usuário a todo instante. Mas esse recurso, é claro, pode ser utilizado por outros tipos de negócios.
Com a popularização dos smartphones, produzir vídeos se tornou muito mais fácil, mesmo para os amadores. E há diversos meios para estimular essa atividade!
Diversas promoções, eventos e inovações são muito bem-vindas para incentivar a criação de conteúdo por parte dos usuários. Um bom exemplo são as empresas que selecionam alguns influenciadores para enviar produtos e, em troca, eles fazem reviews que auxiliam os demais consumidores no momento da decisão de compra.

Aposte na duração reduzida:
Você e sua empresa podem até ter muito conhecimento a compartilhar. Mas o usuário não tem muita paciência para vídeos longos. A grande maioria deles prefere algo mais curto e dinâmico.
No Brasil, é ainda pior, já que a velocidade da internet móvel ainda não atinge à maior parte da população.
Por isso, em vez de fazer um vídeo prolongado, que tal dividi-lo em diversas partes menores e incluí-los em uma playlist? Dessa forma, o usuário consumirá apenas aquilo que considerar relevante, evitando desperdícios do serviços de 3G e 4G e, é claro, economizando tempo.
Seja divertido: A melhor solução para engajar o público em transmissões de vídeos com certeza é a diversão! O conteúdo leve, engraçado e extrovertido faz isso muito bem. Não leve a vida tão a sério! Os vídeos que não trazem emoções e não provocam reações dos usuários dificilmente farão com que ele consuma aquele conteúdo até o fim.

Utilize o storytelling:
O tempo em que as marcas falavam sobre si o tempo todo já acabou faz tempo! Nos dias de hoje, o formato de anúncios tradicionais já não são nem de longe tão eficientes como antes. Os seus vídeos não devem se assemelhar a um comercial de TV.
No lugar disso, que tal contar histórias? O storytelling consiste na utilização de técnicas para comover e engajar o consumidor. É um formato é excelente para chamar a atenção do usuário e manter a atenção dele presa à mensagem. Ou seja, tente dialogar com seus clientes por meio de narrativas que remetam às emoções da persona. Coloque-se no lugar deles e construa seus vídeos baseados em suas dores, desejos e sentimentos.
Espero que, com este texto, você esteja mais preparado para executar suas estratégias de vídeo em 2019!