logo-mini

Conheça os destaques do Cannes Lions 2019

Compartilhe

Ao decorrer de suas edições, o Cannes Lions se mostrou não ser apenas um evento para premiar a criatividade, mas também para inspirar e abordar questões que estão sendo discutidas e desconstruídas.

Indo além de fazer campanhas marcantes, a preocupação das agências foi em garantir que o público se identifique com o conteúdo veiculado, criando movimentos sociais relacionados à igualdade de gênero, raça entre outros.

Em Cannes, só os melhores levam o Leão para casa, então se prepara: tem muita campanha de tirar o fôlego e com insights bem pensados em muitas categorias do Festival:


·         TITANIUM MOBILE E DIRECT LIONS

‘’The Whopper Detour’’ – Burger King

A velha competição entre Burger King e Mc Donald’s ainda existe, e pelo jeito o BK vem ganhando ela há algum tempo. A agência FCB Nova York conseguiu fazer uma estratégia única: por meio da localização atual, o App identifica se você está próximo ao Mc Donald’s e te permite comprar o lanche Whopper por apenas 1 cents! O aplicativo entrou para a lista dos mais baixados em seu primeiro dia na App Store e ainda permaneceu nesse ranking por muito tempo. Que jogada (e que afronte)!  

·       PR LIONS 

      ‘’The Tampon Book’’ – The Female Company

      Imagine que um absorvente tenha seu imposto comparado a produtos de luxo como o Caviar. Pois bem, isso é uma realidade na Alemanha. Pacotes de absorvente têm impostos de 19%, o que os tornam extremamente caros e inacessíveis para a população. Pensando numa forma de mudar esse cenário, a Scholz & Friends Berlim teve a ideia de comercializar livros com absorventes, já que eles têm só 7% de impostos. A campanha não só mostrou essa situação para a população alemã, mas tornou possível adquirir algo que antes tinha um preço absurdo. Grand Prix mais que merecido! 


·         ENTERTAINMENT LIONS FOR MUSIC

        ‘’Bluesman’’ – Baco Exu do Blues

      E tem Brasil na lista, sim! O intuito da AKQA São Paulo com essa campanha foi divulgar o novo álbum “BLVESMAN”, do rapper Baco Exu do Blues. Entretanto, o videoclipe foi além de só promover a música e evidenciou, por meio do material produzido, o quanto a sociedade ainda tem um racismo enraizado. Por meio de referências clássicas à história, a imagem de uma população negra que sempre é ofuscada pelo homem branco foi descontruída, colocando em discussão a questão racial e fazendo nos questionar os estereótipos que trazemos conosco. 

As campanhas premiadas não decepcionaram por sua qualidade e importância em abordar temas pertinentes de forma criativa. Outras categorias também tiveram muito dessa preocupação, e não à toa foram premiadas.

Vale citar que nessa edição o Brasil continuou a se mostrar uma das maiores industrias criativas do mundo, ficando em 3º lugar no ranking de países mais premiados no Festival e levando pra casa 84 estatuetas.

O primeiro lugar ficou com o Estados Unidos, com 313 prêmios e o segundo com o Reino Unido, acumulando 90 premiações.

Outra coisa interessante foi a menor participação de agências tradicionais no Festival, dando abertura para nomes mais atuais serem os destaques no evento, como a David Brasil e a AKQA.

E aí, o que você achou dessa edição?

Acompanhe a gente pra sempre estar ligado no que acontece na publicidade!