logo-mini

Afinal, o que é Social Commerce?

Compartilhe

Hoje, vamos falar do Social Commerce, outra tendência presente no relatório The Future 100.


Com o crescimento cada vez maior de pessoas conectadas ao mundo digital, especialmente por meio dos smartphones, o potencial de negócios online também cresceu. O conceito de social commerce vem da integração das redes sociais ao comércio eletrônico, quando é possível monetizar o engajamento dos consumidores nessas diversas plataformas.

 

Atividades em redes sociais, como postar fotos ou comentários de produtos falando da experiência da compra, possibilitam que marcas sejam divulgadas pelos próprios consumidores. Isso trouxe a força do comércio boca a boca, que era típico do comércio offline, para o online.

 

 

O exemplo mais simples, e bem-sucedido, de s-commerce é a Amazon. Essa grande varejista faz uso da recomendação social de seus produtos como meio de influenciar na venda deles. Comentários postados pelos compradores tornaram-se essenciais na hora de tomar a decisão de finalizar a compra.

 

O Instagram, que é uma das principais mídias sociais usadas pelos influencers, tem criado formas de alavancar ainda mais a integração da plataforma com o comércio online. No ano passado, essa plataforma lançou a possibilidade de colocar uma tag nos stories que direcionasse para o site da loja e, assim, a compra fosse feita diretamente do aplicativo.

 

 

Além de aumentar a exposição da marca, a interação mais próxima entre consumidores e vendedores permite o aprendizado. As empresas conseguem reunir mais informações para saber o que as pessoas desejam de seus produtos e o que podem melhorar neles.

 

O que você acha da tendência do Social Commerce? Já interagiu com seu cliente hoje? A Hiro pode ajudar na otimização de suas plataformas sociais.